Luiz Alberto: Trabalhando em busca da melhoria na saúde pública

luis-alb.jpg

Com o objetivo de apresentar à população trirriense, os vereadores eleitos no pleito 2016, a Câmara de Vereadores de Três Rios está realizando um ciclo de entrevistas com o objetivo de mostrar a história e projetos de cada legislador.

Hoje, apresentamos o vereador mais votado nas últimas eleições com 1.783 votos: Luiz Alberto Barbosa. O vereador é bombeiro militar reformado, enfermeiro, professor de carreira do Município de Três Rios, sanitarista e mestrando em Ciências. Casado há 25 anos, pai de dois filhos, quer levar para Câmara de Vereadores sua experiência profissional não só na área da saúde, onde foi secretário em Comendador Levy Gasparian por 12 anos, em três governos, e em Três Rios por sete anos. Além da saúde, educação e apoio ao funcionalismo público, quer atuar nos demais campos da administração pública.

Entrevista com o vereador:

É esta bagagem de experiência profissional que levou à disputa de uma cadeira na Câmara?
R: Foi a vontade de representar, de ser uma voz por todos da área de saúde, que tanto se dedicam para fazer o melhor. Tentar viabilizar a luta da categoria, buscando o reconhecimento merecido, tanto no que concerne a salários e as condições de trabalho.

Quais as metas mais urgentes?
R: Precisamos fortalecer a atenção básica, buscando mais investimentos dos Governos Federal e Estadual, uma vez que é a nossa porta de entrada do atendimento de saúde. Precisamos entender que as urgências e emergências diminuem consideravelmente com o bom funcionamento da Atenção Básica, cuja consequência é uma melhor qualidade na assistência aos pacientes do município. Outra meta é lutar para a manutenção dos programas como a UPA, o SAMU, o Serviço de Atendimento Domiciliar além da efetiva implantação da faculdade de medicina no município.

Quais as suas expectativas para o mandato que se inicia?
R: Trabalhar plenamente, fiscalizando e apresentando projetos que sejam factíveis e que ajudem no desenvolvimento da nossa cidade. Não obstante ser um profissional da saúde e da educação, desejo atuar em todas as áreas e em todo o município. Mas não posso, com a minha experiência, deixar de lutar por uma população que 84% utilizam o SUS.